Governo timorense organiza Conferência Global sobre a Agenda 2030

Ministro de Estado e da Presidência do Conselho de Ministros e

 Porta-voz oficial do Governo de Timor-Leste

Díli, 12 de maio de 2017

Governo timorense organiza Conferência Global sobre a Agenda 2030

Delegados locais e internacionais participarão numa Conferência Global, centrada no tema da Agenda 2030 das Nações Unidas, em Díli, nos dias 22 e 23 de maio. Este evento é organizado pela primeira vez por Timor-Leste em parceria com os membros internacionais do Grupo Informal de Apoio de Alto Nível para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e do Secretariado do g7+ e tem como tema “Um roteiro para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável nos países frágeis e Estados afetados pelo conflito”.

Para o Primeiro-Ministro, Rui Maria de Araújo, “Timor-Leste honra-se de, como país pós-conflito e rumo ao desenvolvimento sustentável, partilhar a sua própria experiência da implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável” e contribuir “para o compromisso global de implementação da Agenda 2030, que irá garantir um futuro melhor não só para os timorenses mas também para o mundo em geral”.

A 22 de maio, representantes de alto nível dos Governos da Suécia e da Serra Leoa, altos funcionários das Nações Unidas e da ASEAN, e representantes do mundo académico, da sociedade civil e do setor privado vão juntar-se aos dirigentes timorenses, no Centro de Convenções de Díli. O recentemente eleito Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, o Primeiro-Ministro, Rui Maria de Araújo, o Ministro do Planeamento e Investimento Estratégico, Kay Rala Xanana Gusmão, e o antigo Presidente de Timor-Leste e Prémio Nobel da Paz, José Ramos-Horta, são alguns dos participantes nos debates sobre “A Paz como um precursor para o desenvolvimento sustentável”, “Roteiro para o desenvolvimento sustentável em Estados frágeis e afetados pelo conflito” e “Parcerias eficazes para a Agenda 2030 – Não deixar ninguém para trás”. Na conclusão do primeiro dia de debates, será feita uma Declaração da Conferência.

Na manhã do dia 23 de maio, a conferência prevê uma Reunião Técnica, que reúne altos funcionários dos países do g7+ e outros, para discutirem metas e lições relativas à passagem à prática dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) aprendidas até esta data.

Estão programados dois eventos paralelos à Conferência. O primeiro, sobre “Diversificação económica na era dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, acontece na manhã do dia 21 de maio e contará com o lançamento do primeiro “Guia de Investimento”, a cargo da TradeInvest Timor-Leste. Haverá também uma exposição onde se irão destacar oportunidades de investimento em Timor-Leste e atividades do setor privado. A diversificação económica é uma prioridade política do VI Governo Constitucional.

O segundo evento que decorre em paralelo, “A Saúde na era da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável - Programa Saúde na Família", agendado para a manhã do dia 23 de maio, analisará os progressos do inovador programa de Timor-Leste “Saúde na Família” e a união da tecnologia e das visitas domiciliares em toda a nação está a contribuir para a concretização dos ODS na área da Saúde.

O Governo agradece a colaboração prestada pelos seus parceiros, nomeadamente ao g7+, Governos da Suécia e da Nova Zelândia, Banco de Desenvolvimento Islâmico, Nações Unidas e PNUD, Embaixada dos Estados Unidos em Timor-Leste e Câmara de Comércio e Indústria-TL. Aguarda com expectativa a oportunidade de contribuir para a concretização dos ODS, através de diversas colaborações e de uma reflexão clara.

Rui Maria de Araújo antecipa “as boas-vindas a todos participantes que se deslocam ao nosso belo país e espero contar com o vosso total apoio para a implementação da Agenda 2030".

Foi criado um site na Internet para dar informações sobre a Conferência e para facilitar a inscrição, em http://sdgstl.gpm.gov.tl.FIM

 

 

   Topo