Timor-Leste participa em Cimeira Global sobre Alimentação Escolar

A Ministra da Educação, Dulce de Jesus Soares, representou Timor-Leste na primeira Cimeira Global da Coligação de Alimentação Escolar, realizada em Paris, França, de 18 a 19 de outubro, com o tema “Refeições escolares para um futuro mais igualitário e inclusivo”.

Esta coligação, lançada em 2021 pela França e Finlândia, com apoio do Programa Alimentar Mundial (PAM), tem como objetivo assegurar que até 2030 todas as crianças do mundo tenham acesso a refeições escolares saudáveis.  Timor Leste participa em Cimeira Global sobre Alimentação Escolar

As refeições escolares desempenham um papel vital na abordagem de problemas como a fome, sistemas alimentares insustentáveis e desafios educacionais, com ênfase na igualdade de género. Além de beneficiar a saúde e a educação das crianças, as refeições escolares também criam empregos e promovem sistemas alimentares sustentáveis.

A coligação reúne atualmente 90 Estados-Membros, a União Europeia e a União Africana, juntamente com cerca de 100 parceiros diversos. A Cimeira de outubro visou destacar os progressos e ouvir as vozes das partes envolvidas na implementação das refeições escolares diariamente, incluindo autoridades locais e redes parlamentares. A coligação é um exemplo de sucesso das parcerias multilaterais na resolução de desafios comuns, sendo um contributo crucial no combate à insegurança alimentar global.

Na sua intervenção, durante a cimeira, a Ministra da Educação elogiou o apoio contínuo do PAM na implementação do programa merenda escolar em Timor-Leste, que beneficia atualmente 315 mil estudantes.  Timor Leste participa em Cimeira Global sobre Alimentação Escolar

A governante destacou a decisão nacional de “duplicar o compromisso financeiro com o programa nacional de merenda escolar”, reconhecendo que o país ainda “enfrenta desafios sérios na educação, incluindo ao nível da desnutrição e atraso no crescimento”.

“Este aumento significativo no orçamento revela a dedicação do [Governo] no fornecimento às crianças de Timor-Leste não apenas de educação, mas também de nutrição que necessitam para prosperar e se tornarem os impulsionadores do nosso progresso”, acrescentou.  Timor Leste participa em Cimeira Global sobre Alimentação Escolar

Dulce de Jesus Soares sublinhou ainda que “o Programa merenda escolar em Timor-Leste veio beneficiar não só estudantes como também agricultores locais, e toda a comunidade envolvida neste processo”.

A Ministra da Educação manifestou ainda “o orgulho na promoção de hortas escolares sendo um dos poucos, senão o único país do mundo que inseriu o estudo e a prática de hortas escolares como uma disciplina curricular, fornecendo às refeições escolares produtos frescos e nutritivos, com impacto também na saúde de cada família, sendo que os alunos levam esta prática de volta para suas famílias”.  Timor Leste participa em Cimeira Global sobre Alimentação Escolar

 

url: http://timor-leste.gov.tl?lang=pt&p=34923